Blog Acontece

Este canal é feito especialmente para você que busca dicas de estudos, notícias e artigos do mundo jurídico, preparação para provas de concursos públicos e OAB, entre outros temas relevantes do segmento em que atuamos. Acompanhe nossas publicações e amplie ainda mais seus conhecimentos.

Concurso IBGE: mais 231 mil vagas nos próximos meses

Mesmo com a publicação do edital para o preenchimento de 2.658 vagas, o concurso IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) ainda conta com nada menos do que 231.149 vagas para o preenchimento até maio de 2020, através de novos processos seletivos para preenchimento de postos temporários. As oportunidades ainda poderão incluir cargos com exigências de níveis fundamental e médio, com iniciais de até R$ 4.000Os próximos editais ainda se referem ao aval do governo concedido em maio deste ano, para o preenchimento de 234.416 oportunidades. De acordo com a autorização, o governo contava com um prazo de seis meses, ou seja, até 6 de novembro, para iniciar a seleção para todos os postos. Porém, em 13 agosto, o prazo para liberação foi prorrogado até maio de 2020.

Das 234.416 vagas, ao menos 3.267 já estão sendo oferecidas, através de três editais já publicados. O primeiro contou com uma oferta de 209 vagas, sendo 180 para recenseador, 25 para agente censitário supervisor e 4 para agente censitário municipal. O segundo edital contou com 400 vagas para analista censitário. E o terceiro e último consta com 2.658 oportunidades, sendo 1.343 para coordenador censitário subárea e 1.315 para agente censitário operacional.

É importante ressaltar que a distribuição de vagas por cargos pode sofrer alterações, tendo em vista que o quantitativo do último edital já contou com mudanças em relação à autorização de maio.

Na ocasião, o documento indicava a seguinte distribuição de postos: coordenador censitário de subárea 1 (600), coordenador censitário de subárea 2 (850), agente censitário operacional (1.760), supervisor – call center (4), agente censitário municipal (6.100), agente censitário supervisor (23.578), codificador censitário (12), recenseador (196.000), supervisor PA (1.304) e recenseador PA (4.100).

Para concorrer ao cargo de recenseador é necessário apenas possuir ensino fundamental, com remuneração de R$ 1.100. Para agente censitário municipal, a exigência é de ensino médio, com inicial de R$ 2.400. Para agente censitário superior, ensino médio e R$ 2.000. Para coordenador censitário de subárea, ensino médio e R$ 4.000. Por fim, para agente censitário operacional, ensino médio e R$ 1.800.

Concurso IBGE: saiba como será o Censo Demográfico 2020

No concurso IBGE para temporários, o cargo de destaque dos censos sempre é de recenseador, que no último concurso IBGE contemplou 191.972 vagas e exigiu apenas nível fundamental completo. Os ganhos oferecidos para a função variam de acordo com o número de informações coletadas.

As demais funções necessárias para as pesquisas são as seguintes: agente regional, agente administrativo, agente municipal, agente de informática e agente supervisor.

O Censo compreendeu um levantamento minucioso de todos os domicílios do país. Nos meses de coleta de dados e supervisão, os recenseadores visitam milhões de domicílios nos 5.565 municípios brasileiros para colher informações sobre quem somos, quanto somos, onde estamos e como vivemos.

Ficha Técnica

  • Concurso IBGE
  • Número de Vagas 234816
  • Cargo Recenseador, Agente Censitário Municipal, Agente Censitário Supervisor
  • Escolaridade Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Superior
  • Estado com vagas AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO
  • Área de Atuação Administrativa, Operacional
  • Faixa Salarial
  • Taxa de Inscrição Não Existe
  • Organizadora
  • Cidade

Recomendamos para você:

Central de Vendas
×

Central de Vendas

4020-2108

O atendimento é feito de 2ª a 6ª feira, das 08h às 20h, exceto feriados. Horário de Brasília.


ou


Nós ligamos para você:

Enviando ...