Blog Acontece

Este canal é feito especialmente para você que busca dicas de estudos, notícias e artigos do mundo jurídico, preparação para provas de concursos públicos e OAB, entre outros temas relevantes do segmento em que atuamos. Acompanhe nossas publicações e amplie ainda mais seus conhecimentos.

Como aprimorar seu modo de escrever

Como aprimorar seu modo de escrever

 


A prova de redação é uma das etapas que mais apavora candidatos de concursos públicos. Tanto temor não é por acaso. O teste escrito é cobrado pela maioria dos editais e pode eliminar ou classificar concurseiros. Como o peso dessa fase é grande, comece a se preparar com antecedência para aprimorar seu modo de escrever.

 

É importante treinar bastante a escrita e estudar as regras cobradas pelos editais para aumentar as chances de obter uma boa nota na redação.

 

O texto de uma redação deve conter sempre introdução (apresentação da ideia a ser defendida), desenvolvimento (argumentação do tema escolhido) e conclusão (fechamento do que foi exposto).

 

Existem três modalidades de redação: narrativa, descritiva e dissertativa. A primeira, como o próprio nome diz, é uma narração de algo que aconteceu no passado. A segunda é a descrição minuciosa de um fato, que pode envolver pessoas, animais, ambientes e lugares com suas características e particularidades.

 

Já o terceiro estilo é a dissertação sobre um tema com hipótese e comprovação que geralmente expõe a cultura e forma como o candidato enxerga o mundo. É o tipo de redação mais pedido nas provas dos concursos públicos e que você precisa ter um bom domínio.

 

Dicas para escrever bem

 

Redigir uma boa redação requer prática e dedicação. Para isso, você precisa entender um pouco da língua portuguesa, conhecer regras gramaticais e ler muito. Aos que precisam aprimorar essa habilidade, elencamos, a seguir, algumas dicas. Confira:

 

● Pratique com provas anteriores
Antes de tudo, leia o edital do concurso público que você está participando para saber como será o teste escrito, tipo de redação, a quantidade de linhas e o tempo estabelecido. Comece a praticar. Uma dica é pegar provas dos anos anteriores e tentar desenvolver o tema que foi solicitado, seguindo as regras da banca organizadora.

 

● Hábito de leitura
A leitura é uma forma de ampliar a cultura, adquirir novos conhecimentos e enriquecer o vocabulário. Os que adquirem esse hábito, estimulam a criatividade e ganham mais poder de argumentação e fundamentação de suas ideias. Apaixone-se por essa arte, não importa o seu gênero.

 

● Mantenha-se bem informado
Escrever textos com coerência, clareza e boa argumentação fica mais fácil quando estamos acompanhando o que está acontecendo no Brasil e no mundo. A banca pode exigir dissertação sobre atualidade e você terá mais subsídios para argumentar o tema solicitado. Pode acontecer, também, de o tema ser voltado para o conteúdo programático do concurso. Por isso, é imprescindível ler cuidadosamente o edital para que você seja assertivo ao se preparar para a prova.

 

● Linguagem acessível
Adote uma linguagem simples e de fácil compreensão, evitando palavras muito rebuscadas. Evite gírias, palavras chulas e abreviações como vc (você), pq (porque), ex. (exemplo) etc, muito comuns na comunicação coloquial pelas redes sociais. Cuidado também com uso de parênteses para expressar ideias e não esqueça de usar letras maiúsculas quando for necessário.

 

● Evite repetição de palavras
A repetição de palavras em um mesmo parágrafo significa pobreza vocabular. Afinal, a língua portuguesa é tão rica em sinônimos. Recorra a eles em busca de termos com mesmo significado para enriquecer sua redação. A leitura constante ajuda nesse quesito.

 

● Coerência e objetividade
Escreva com clareza, objetividade e coerência, sempre explicando suas ideias e argumentos com sequência lógica. Não fuja do tema solicitado pela banca organizadora. Evite frases e parágrafos longos que se perdem nas pontuações.


● Revise seu texto
Faça sua redação com letra legível. Muitos candidatos perdem nota por não ficarem atentos com essa exigência. Respeite as margens da folha dos lados direito e esquerdo, fazendo a separação correta das sílabas. Nunca use pronomes na primeira pessoa e respeite a quantidade de linhas solicitadas. Após terminar seu texto, faça uma boa revisão do rascunho para correção de erros gramaticais.

 

 

 

 


Conteúdo produzido pela LFG, referência nacional em cursos preparatórios para concursos públicos e Exames da OAB, além de oferecer cursos de pós-graduação jurídica e MBA.

Assine nossa newsletter!

Recomendamos para você: